quinta-feira, 31 de março de 2011

SPCD em Jundiaí

Caros, bom dia!

É com muito prazer que nós estaremos em Jundiaí, pela primeira vez, em comemoração aos 100 anos do Teatro Polytheama.

Além do espetáculo teremos diversas atividades educativas.

As inscrições para os programas educativos e de formação de plateia são gratuitas e podem ser feitas por meio do site: www.saopaulocompanhiadedanca.art.br.

Segue a nossa programação.

terça-feira, 29 de março de 2011

Uma informação importante

Alunas e interessadas!

As aulas de sábado do dia 2 de abril - o próximo sábado - serão à tarde, devido a uma reposição que terei que fazer na EMEF pela manhã.

Apenas no dia 2/4/11

Dança do ventre será às 14h - 16h
Jazz às 16h-17h

quinta-feira, 24 de março de 2011

Técnicas de quadril com Aziza



Vamos para mais uma dica?

Estou fazendo o curso de especialização em Técnicas de Quadril com a Aziza - Mor Said, lá no estúdio da Elis Pinheiro e para variar ... estou aprendendo muito, e o melhor: me encontrando, conhecendo ainda mais o meu corpo e suas múltiplas possibilidades.

Percebi que estava viciada em certos movimentos e agora consigo experimentar mais, e sentir de verdade como o quadril é formado.

O curso é super rico, com um conteúdo pra lá de essencial, e o que falar da Aziza? Nem preciso dizer nada, ótima professora e profissional. Vale a pena fazer o curso quem puder.

As possibilidades de aprender são infinitas!

Para mais informações:

Curso Especialização em Técnicas de Quadril
Aziza-Mor Said

terça-feira, 22 de março de 2011

A performer Shakira

Sou bem enfática quando digo que Shakira criou uma performance, o seu estilo a partir da dança do ventre, mas o que ela faz não é exatamente o que dançamos e nem só que aprendemos, são fusões, criações, misturas de ritmos e estilos de dança.

Mas ela é uma artista POP, do show business, e arrasa quando o assunto é dançar. A respeito por ser uma fã, uma grande artista e cantora e pela sua descendência árabe - porque ao vivo minha gente... dá para ver a influência da cultura árabe nas composições lindíssimas, e claro em seus movimentos. Não é qualquer uma que vai lá e dança uma pouco de dança do ventre.

Fui no Pop Music Festival e o show dela foi mais do que eu esperava. Pura simpatia, arrasou em tudo, e com uma energia alucinante me fez dançar quase as duas horas de show.

Com vocês, uma das performances que ela fez em seu show, Ojos Así (clássico) aqui em São Paulo no Pop Music Festival:

sexta-feira, 18 de março de 2011

quinta-feira, 17 de março de 2011

As 7 coisas sobre mim

Vamos continuar com a brincadeira... agora falarei algumas coisinhas sobre mim, falo algumas porque sou uma caixa de surpresas apesar de aparecer super tranquila e na minha.



1- Uma aquariana, com ascendente em áries e lua em cancêr

Acredito em astrologia e não em horóscopo e acho que o caminho do auto conhecimento parte do nosso mapa astral. O Universo rege o movimento da nossa vida, portanto tudo depende de como nos movemos.

Dá para sacar que sou bem Zen, ligada ao espiritualismo, filosofia, yoga, budismo e na astrologia. Começo dizendo sobre meu signo porque ele diz quase tudo sobre mim.

Independente, artista, família, louca por pensar diferente de muita gente e até radical. Fixa em alguns conceitos porém... aberta para novas experiências e sensações.

Se para mim algo é errado, anti ético e foge dos meus parâmetros morais e ideais eu abomino a pessoa que executa e a ação. Coisas do tipo: aborto, chacina, guerra, vingança, pena de morte, fanatismo, preconceito, axé kkk - sou hiper contra!!

Joguei tudo pro alto, minha carreira e um trabalho em design para trabalhar com a dança e educação que são minhas descobertas, o que amo e dons... pelo mapa isso ia acontecer kkk os astros me levaram a isso.

Então... quando uma causa vale a pena me jogo meeeeesmo e compro a briga!







2-Uma apaixonada por natureza e mochileira

Amo viajar, sempre tive vontade de colocar a mochila nas costas e sair por ai como uma andarilha consciente. Mas nenhum namorado e amigos possuiam esse espírito aventureiro. Mas como a vida é sábia, meu namoradão é assim também, além de aquariano curte viagens anti - turistas.

Viajo sem destino, sem medo de ser feliz e amo praia, natureza e ecoturismo. Amo conhecer povos, lugares e vidas diferentes, por isso convivo o dia-a-dia das pessoas dos lugares que viajo.

Apesar de cansativo e arriscado: Adoro e indico!






3- Uma arte educadora idealista

Trabalhei 7 anos e meio como designer gráfico, amava e na verdade ainda gosto muito de criar, desenhar, mexer nos programas gráficos mas... a dança e a arte visual sempre caminharam lado a lado. E com o tempo, sentada 8 horas na frente de um computador me dei conta que o que eu fazia era ajudar o Sistema, que tanto abomino, crescer ainda mais!

Complexo! Para mim trabalhar não é só ganhar dinheiro, quero reconhecimento, viver bem e ser útil positivamente com o que eu faço.

Fiz uma pós em arte educação e quando me meti em dar aulas de dança, larguei tudo e vi que gosto é mesmo de ensinar. Fiz a licenciatura e hoje trabalho nas três áreas: dança, educação e design. Tinhas professoras que falavam que sala de aula eram bem diferentes das aulas de dança, hoje vejo em ensinar é a mesma pegada... ser professor não é para qualquer um, e quando você se dá bem numa área, você será boa em todas.

Sou multi mesmo: danço, desenho, interpreto e me arrisco em tocar algumas coisas no piano. E meus alunos "piram comigo" no bom sentido, porque não sou uma professora de artes comum, meu ideal é:

"Formar pessoas que encontrarão suas aptidões, serão cidadãos conscientes, éticos, amáveis e cultos. Agentes e participantes da democracia, de suas vidas e serão perseverantes nos valores que acreditam".

A arte ajuda a melhorar o mundo e formar homens e mulheres melhores: o mundo precisa disso.

Por isso me considero uma idealista nata! Falam que sou assim porque sou novata, e rebato com: Amo o que faço, não estou aqui por acaso e acredito nos meus objetivos.

"Não se pode falar de educação sem Amor"
Paulo Freire






4- Menina mulher

Não aparento a minha idade, meus alunos me fazem lembrar disso sempre: quantos anos você tem? Tem cara de 23!! Vamos sair professora?

Delícia escutar isso quando já se tem 30! Numa sala na Unip fizeram um bolão, porque fiz um certo mistério. hahahaha massagem no ego bem!!

Acontece isso, porque sou mulher e ao mesmo tempo menina: brinco, sonho, viajo nas idéias, mantenho o espírito jovem, me cuido e uso franjinha! Mas o melhor e sempre manter novos projetos, estudos ... para mim nunca é tarde para começar alguma coisa. De vez em quando ajo com criança ao brincar com outras crianças e com minha labradora.

Gosto disso e mesmo com 60 anos quero continuar menina e bem jovem.

Apesar que isso tem seu lado ruim... muitas vezes tive que me impor na sala de aula porque não me respeitaram, e nas salas dos professores muitos me confundiam com aluna e nem deixavam eu entrar. Depois todos pediram desculpas.


video

A maluca aqui no Insano lá no Beach Park kkk fazendo o que mais gosto que é brincar! Fui 3 vezes mas ... quase desisti nas 3!





5- Chocolatra sim e daí!

Esse é o meu mal gente! Falo que meu pecado é a gula, porque quando estou na tpm como kilos de chocolate! E quando não estou como um bombom que seja, por dia. Não vivo sem um docinho.

Já me controlo e estou melhor porque sabemos que chocolate meio amargo faz bem para saúde e ao mesmo tempo o excesso é que nos prejudica.

Hoje em dia já consigo ficar unas 3 ou 4 dias sem colocar um chocolate na boca.





6 - Perfeccionista

Mas não extremista. Tenho diciplina e não rigidez, se não estou bem me respeito e tiro um cochilo no meu da tarde.

Aprendi a permitir errar, aprender e a ser mais flexível. Gosto de estudar, treinar e fazer tudo certinho, o melhor de mim é oferecido em tudo o que faço. Mas nem sempre conseguimos chegar no nível que pretendemos e precisamos estar prontas para isso.

Aprendi que tudo tem o seu tempo e não posso deixar a vida me levar ... tudo começa com a decisão e com os pensamentos.

Ainda quero tudo certinho e perfeito, mas meu quarto é bagunçado, sou distraída e preciso anotar tudo que tenho que fazer e repito muitas vezes o que desejo até eu conseguir.

Já fui daquelas que se cobra horrores, e quer ser sempre a melhor em tudo o que faz. Hoje, sou mais tranquila, madura, corro atrás mas... também permito deixar "as coisas acontecerem".



7- Mil utilidades e atividades numa só e ao mesmo tempo

Toda mulher é assim né? Temos muitas jornadas: ser mulher, ser esposa, ser professora / bailarina (no meu caso), ser mãe. Não é fácil.

E além disso eu não páro, acho que a vida tem que ser vivida e perder tempo em não fazer nada não é legal. Páro nos finais de semana quando posso, nos feriados e nas férias, assim sim... esqueço do mundo e desligo o celular para fugir de tudo e todos.

No momento estou:

  • terminando mais uma pós graduação e escrevendo monografia - ano que vem iniciarei o mestrado;

  • dupla jornada como professora de artes e dança - logo serei chamada no estado e terei mais um cargo;

  • estudos e aulas de dança - preparo para a pré-seleção, já estou ensaiando e treinando muito;

  • prioridade à família, amigos e namorado - não esqueço de ninguém, posso estar na loucura porém sempre lembro de todos que amo;

  • e a dedicação à minha escola, novos cursos estão à caminho, divulgação e etc.

  • estudando novamente inglês quando tenho um tempinho livre, sozinha e autodidata.

Se eu por no papel, trabalho bem mais que 8 horas por dia. Sempre fui assim e gosto, sou feliz e isso é que importa.

O lado ruim é ficar esgotada e estressada, quando isso acontece, me tranco no quarto depois de um bom banho, pego um livro ou escuto uma música, deito na cama e relaxo!

Mas sempre tenho tempo para mim mesma, meus amigos, namorado e família! Isso é o primordial para minha vida!


"And I'm crazy, but you like it (loca, loca, loca)
You like that it ain't easy (loca, loca, loca)
And I'm crazy but you like it (loca, loca, loca)
I'm crazy but you like it"










quarta-feira, 16 de março de 2011

Top Blog Stylist


Fui convidada pela Deborah Macedo a participar do TOP BLOG STYLIST para escrever 7 coisas sobre mim. Vamos às regras?

  • Vou convidar alguns blogs e eles terão que escrever um post colocando o selo e dizendo de quem ganhou (de mim). E em um outro post, escrever as 7 coisas sobre elas mesmas.

Assim vamos nos conhecendo melhor e o legal é escrever realmente as 7 coisas que identificam você.

Vamos lá?

Convido os seguintes blogs:



Mãos à obra?

Uma poesia


As coisas boas que achamos pela internet a fora. O texto dessa menina é muito bom, abaixo segue o link e tire sua própria conclusão;

“Sou beduína
e rasgo meu véu;
Como Rapunzel,
corto minhas tranças;
E lanço ao mar,
A Iemanjá.

Meio Meduza,
com síndrome de camaleão,
Sigo o fluxo …
vivo em constante mutação.

Aliás ...
Para quem,
de alguma forma,
quiser me fixar;
Não custa avisar,
pode até tentar,
Mas …
Uma questão:
Será que consegues conter um vulcão?

É …
Sou cigana;
Peregrina urbana;
Hippie-contemporânea;
Espécie rara;
Praticamente uma Deusa-profana.

Auto-didata,
com experiência em meditação,
Sou espiritualista,
mesmo sem religião.

Sem nenhum batismo,
referência,
ou tradição,
Apenas intuitiva por formação,
me graduei na vida,
em evolução,
e sou especialista em poder de transformação.

Do veneno,
da dor,
Chego à cura;
E, em lágrimas,
no riso,
ou ao chorar,
Sinto-me purificar.

Mantenho a leveza,
Abraço a incerteza,
Entrego-me,
E sigo com a certeza
de que
por detrás de qualquer incoerência,
ou contradição,
Há total coerência na voz silente de meu coração.”

Sada Abhikama

sexta-feira, 11 de março de 2011

Se ela dança eu danço


Que programinha... já estava pensando em como escrever sobre ele e nesse exato momento lendo o blog da Lady Burly, me deparo com um texto perfeito da Beatriz Costa.

Não gosto desse tipo de programa, mas nessa quarta eu o assisti por curiosidade e para "distrair" minha cabeça, em fim... momento que queremos ver qualquer coisa na tv. Além do caso que o texto retrata, vi alguns absurdos de avaliações e grupos sendo massacrados e eliminados sem um motivo justo.

Como o grupo de Folclores Brasileiros que simplesmente arrasou com o Boi Bumbá, barrado pelo João Vlamir, assim como outros grupos folclóricos. O que há de errado nisso?

Até os homossexuais não ficaram fora desses absurdos... nesse programa o João os chamou carinhosamente de boilarinas - de boiolas.

Garotas fora de peso nem se fala, são exoneradas sem um pingo de consideração. É o caso do texto que vou copiar aqui, uma bailarina profissional de um grupo contemporâneo, vive e se apresenta na Itália, foi testada duas vezes e só passará para a outra fase se emagrecer 8 quilos.

Pasmem que a coitada não é gorda, simplesmente tem coxas grossas, ossos largos, o típico corpão.

Faz o meu favor não é mesmo? A dança dela é linda e ao meu ver ela arrasou na improvisação.

A avaliação deles deixou de ser um parâmetro para os artistas aprimorarem e evoluirem para ser uma humilhação em rede nacional - um divertimento para a massa tão maltratada não é mesmo?

Vamos ao texto?


E o meu VAI TOMAR NO CU do dia vai para: João Wlamir (Se Ela Dança, Eu Danço)

por Beatriz Costa

Depois de assistir ao programa Se Ela Dança, Eu Danço, não pude me conter em escrever sobre o jurado João Wlamir. Não me importa quem ele é, o que ele fez na vida, de onde ele vem, nada disso me importa. Em apenas um programa, ele conseguiu me fazer falar com a tv, tamanha a indignação que senti pelo desrespeito dele com as dançarinas que não se apresentaram dentro dos padrões magérrimos de peso.

Uma das candidatas recebeu o desafio de ser aceita para a próxima fase contanto que elimine 8kg até lá. Isso, após varias piadinhas sem graça por parte de João Wlamir, que ironizou o fato dela ter vivido na Itália por algum tempo, dizendo que ela se empolgou com a culinária do país. A garota, de pernas grossas sequer me pareceu gorda. E daí se ela dançou bem e mostrou atitude?? Ela não era um cabide humano, então não estava boa para João Wlamir.

João Wlamir não avalia dançarinos por sua técnica, sua graciosidade, sua atitude ou pelo figurino - ele foca no peso dos candidatos, chama as garotas de "bolarinas". Além de ser extremamente preconceituoso da parte dele, essa postura o limita a reconhecer o talento de bailarinas incríveis que dançam muito e muito bem, independente de seu peso.

Em tempos em que o bullying é tão divulgado e combatido, como podem dar espaço na mídia a uma criatura tão preconceituosa e cruel? Imagino como essas meninas se sentem, sendo ridicularizadas em rede nacional, sem direito de defesa e muitas vezes tendo seus sonhos destruídos sem ao menos terem o talento reconhecido. Programas como esse, já sabemos, servem mais para dar fama rápida a alguns poucos e audiência para a emissora, mas comportamentos ofensivos e preconceituosos não devem ser aceitos nunca.

Eu boicoto o programa Se Ela Dança, Eu Danço. Não darei minha audiência a um meio propagador do preconceito e do bullying. Ao jurado em questão, só me resta o meu melhor e mais sonoro VAI TOMAR NO CU. Beatriz Costa.

PS da Tia Sha: eu não costumo mesmo assistir programas de quinta categoria como esse, mas fica aqui meu apoio ao boicote à esse lixo!

Novos Olhares: Um sonho impossível? Brasil sem corrupção?

Novos Olhares: Um sonho impossível? Brasil sem corrupção?: "Repassando uma informação que recebi: 12 de Março de 2011 - Um milhão de pessoas na Avenida Paulista pela demissão de toda a classe polític..."

quinta-feira, 10 de março de 2011

Exposição sobre o Islã


Arte e cultura nunca é demais, quem pensou que dançar não é necessário estudar a história e a cultura dos países?

Uma exposição show no Centro Cultural Banco do Brasil: Islã Arte e cultura.
Não percam!

entrada franca

quarta-feira, 9 de março de 2011

Outra visão sobre o carnaval

Vale a pena ver esse vídeo. Eu sou apaixonada por carnaval porém nessa última década fiquei decepcionada com algumas atitudes entre elas: o valor dado ao carnaval baiano com a sua péssima música, valor caríssimo dos trios e etc, bom... assim como os poucos divertimentos decentes que possuimos nessa época.

Carnaval bom era em São Luis de Paraitinga que pelo visto foi abandonado... será porque não gerava tanto lucro assim à mídia e ao sistema?

Carnaval bom são as marchinhas, a bagunça saudável e familiar nas ruas... sempre tiveram as sacanagens, os bebuns, os acidente e etc, mas hoje as pessoas estão perdidas nos seus desejos e suas buscas.

Mal sabem elas sobre a história do carnaval... e somos obrigados a escutar: "Quero não, posso não, minha mulher não deixa não..."

Que vão pro inferno! Se é isso, prefiro ser chata e mal humorada e não curtir o carnaval!

Aulas de graça no CEU Perus

Aulas de dança, teatro e artes visuais no CEU Perus, e toda terça há um espetáculo gratuito.
Mais informações: 3915-8745 / 39158753

sexta-feira, 4 de março de 2011

A originalidade e o Luxo estão de volta no Carnaval do Rio

Há 50 anos, Denise Zelaquetti, com Isabel, a Rainha de Portugal, criada por Marcilio Campos,
ganhava o concurso de fantasias do Baile Municipal do Rio de Janeiro.

Bem antes dos desfiles tomarem conta do cenário mundial, o carnaval carioca era tomado pelo concurso de fantasias, onde desfilavam lindas criações com ousadias e originalidade. A partir delas é que as escolas de samba iniciaram o uso do luxo dessas fantasias em seus destaques.

Apesar de serem lindas, as fantasias eram confeccionadas com peles e penas de animais exóticos que estão em extinção, ao meu ver não me agrada essas atitudes mas hoje eles procuram usar outros tipos de materiais.

Após um tempo o concurso está de volta nesse ano, e tiveram lindas fantasias separadas nessas categorias:

  • originalidade: vencedor foi Jorge Abreu, com a fantasia “Noel Rosa”
  • luxo feminino: vencedora foi Regina Marins com a fantasia “Rainha do Baile de Máscaras”
  • luxo masculino: vencedor foi Marcelo Moreno com a fantasia “Vitória-régia”
  • performance luxo: vencedor foi Caica Sabatella com a fantasia “Carnaval Globeleza”





Novos Olhares: Enchentes em SP desde 1956

Novos Olhares: Enchentes em SP desde 1956: "Para quem pensa que nossos problemas com as enchentes são novos, vale a pena dar uma olhadinha nessas imagens. Desde 1956 sofremos com elas..."

quinta-feira, 3 de março de 2011

Uma imagem de dança

Bom feriado! Bom carnaval!

Devido ao feriado, o estúdio fechará no sábado dia 5 e só abrirá na quarta dia 9.